ID#94 – Barreira Palatina

Tempo de leitura: 3 minutos

Transcrição do vídeo

Todo mundo fala em fazer barreira palatina com silicone para poder confeccionar a concha palatina e então, a partir dessa concha por exemplo restaurar uma fratura. Até aí tudo ótimo, mas, muitas vezes o colega não sabe confeccionar essa barreira de forma correta e o resultado pode ficar comprometido exatamente por esse passo tão importante não ficar como deveria ficar. Nesse vídeo vou te mostrar 5 pontos importantes para confeccionar uma boa barreira palatina.  

Olá eu sou Dulce Simões do Inspirando Dentistas e se está aqui pela primeira vez vai lá no nosso site inspirandodentistas.com.br e assine a nossa lista VIP para começar a receber nossos emails ou cadastre nosso numero no seu WhatsApp para fazer paste da nossa lista de transmissão e ficar por dentro de tudo que estamos fazendo.

E já que vamos falar de barreira palatina muita gente acha que é desnecessário e que pode ser resolvido sem ela. Até concordo que se você não tem cão é melhor mesmo caçar com gato. sabe aquela história de quem se não tem tu vai tu mesmo? Aqui a gente fala assim. Pois é isso para essa situação também. Se estou num local que não tenho recursos para fazer essa tal de barreira, faça sendo uma tira de poliéster ou qualquer outro artifício.

Mas se você tem condições te aconselho a fazer e vai ver como faz toda diferença. Uma barreira bem feita e bem posicionada vai te facilitar na colocação das camadas e te orientar na sua estratificação. Então quais são esses 5 pontos?

Primeiro ponto: Você precisa de um silicone que copie bem a palatina do seu enceramento. Logo, não use uma silicone gelada, que está mais dura e assim fica mais difícil de copiar. Amoleça essa silicone com a mão antes de colocar o catalizador, assim como estou te mostrando aqui. Vai apertando e quando ela estiver dessa maneira você coloca o catalizador e aí sim começa a manipular.

Ponto 2: Faça uma leve compressão na área que você deseja copiar, que é a palatina, mas não aperte demais, vá usando os 3 dedos e adaptando olha só os movimentos dos dedos tá percebendo? Com calma nada de se agoniar.

Ponto 3: Não deixe sua barreira fina pois ela pode ficar muito flexível e assim deformar na hora em que está sendo adaptada. Se você deforma e posiciona sua barreira de forma errada, vai errar nas espessura e posicionamento da aresta incisai.

Ponto 4: Não precisa recobrir toda a vestibular pois o que interessa é apenas a palatina. Essa barreira não é para Mock Up.

Ponto 5: Recorte com um instrumento de corte que pode ser um bisturi de preferencia com uma lamina 11 no local da aresta incisai, sem deixar excesso o que vai resultar em uma borda incisai muito espessa e nem retirar demais para não perder essa referência e de repente deixar o dente curto.

Viu como os detalhes fazem toda diferença? Não podemos trabalhar com pressa e sem atenção para os detalhes pois aqui cada detalhe tem sua razão de ser.

Se esse vídeo te ajudou coloca um like e manda para o coleguinha que você acha que vai gostar. Vamos compartilhar conhecimento, discutir e crescer afinal esse é o propósito do inspirando dentistas. E não deixe de nos acompanhar nas nossas redes sociais, instagram, facebook, podcast e youtube. E saiba que de onde veio esse vídeo tem muito mais.

Beijo grande e te vejo no próximo.

Deixe seu Comentário