ID#46 – Registro de oclusão

Tempo de leitura: 2 minutos

Transcrição do vídeo

Olá, eu sou Dulce Simões do Inspirando Dentistas e hoje eu quero saber o que você usa para fazer o seu registro de oclusão. Nesse vídeo eu vou te mostrar que o material escolhido para essa finalidade deve ter algumas características para que você consiga um bom registro. 
A maioria dos dentistas usa cera para fazer os registros oclusais, mas com certeza esse é um dos piores materiais, pois não é confiável quanto a sua estabilidade, sofre muita distorção. Só de ficar sobre a bancada já sofre distorções. Alguns usam também os silicones de moldagem. Melhor que a cera? Sim, mas ainda longe de ser o melhor.
Sim, mas qual ou quais são os melhores materiais? Que características eles devem ter para cumprir essa função? Primeira característica: precisam ser soft. Precisam ter a capacidade de se adaptarem de forma suave a região, no momento da mordida. O paciente não precisa fazer força para ocluir. Segundo característica: precisa polimerizar ou endurecer rapidamente. Se o paciente precisa ficar ocluindo por muito tempo pois o material demora a endurecer ele pode cansar e mudar de posição, e aqui qualquer mudança por menor que seja é crucial.
Terceiro: precisa ser tixotrópico. E o que é tixotropismo? É a propriedade em que o material muda de estado quando manipulado, mas voltam ao que eram antes em seguida. Então, aqui seria um material que teria a capacidade de ao ser manipulado ele ficaria fluido mas sem escorrer, e assim seria de fácil colocação.
Quarta característica: precisa ser rígido para que seja removido facilmente mas sem rasgar ou distorcer
E quinta: estabilidade dimensional.
Os melhores materiais são as silicones de registro, materiais específicos para isso, com todas essas características. Marcas comerciais? A Take 1 Advanced Bite da Kerr, Occlufast Rock da Zhermack, a Registro Clear da VOCO, a Variotime Bite da Kulzer, a Futar da Ultradent, O-Bite da DMG e vários outros materiais.
Ah! mas não tem outra opção? Tem. As resinas acrílicas de polimerização rápida. Mas muito cuidado ao usar essas resinas, não esqueçam que sofrem contração de polimerização e se não cuidar elas podem ficar presas aos dentes, caso eles tenham muitas retenções.
Se você gostou desse vídeo não deixe de compartilhar nas suas redes sociais isso só agrega valor ao nosso trabalho e eu conto especialmente com você para isso.
Um beijo grande e até o próximo vídeo.

Deixe seu Comentário