ID#50 – Cimento de Ionômero de Vidro

Tempo de leitura: 2 minutos

Transcrição do vídeo

Você gosta de trabalhar com Ionômero de Vidro? Se você gosta saiba que nesse e no próximo vídeo vou falar sobre 3 protocolos diferentes para 3 situações diferentes. Percebo que existem algumas confusões que podem prejudicar seus resultados. E isso é tudo que nós não queremos.
Olá, eu sou Dulce Simões, do Inspirando Dentistas e hoje vou falar sobre Cimento de Ionômero de Vidro. Já fiz um outro vídeo falando sobre esse material mas dessa vez vamos colocar 3 situações diferentes e como vamos trabalhar com ele.
Na primeira situação você vai fazer um forramento ou até mesmo uma restauração usando o CIV quimicamente ativado. Já sabemos que o Cimento de Ionômero de Vidro  tem como uma das suas propriedades ser adesivo ao esmalte e a dentina e que essa adesividade acontece através de trocas tônicas com o cálcio. Para que essa adesão aconteça precisamos melhorar o contato do material aos tecidos e mais precisamente a dentina, removendo a smear layer ou lama dentinária. Como fazemos isso? Vamos usar um ácido fraco para limpar essa dentina. Atenção aqui, muita atenção. Ácido fraco não é ácido fosfórico. Acido fosfórico é ácido forte. Ácido forte além de remover a semear lazer ainda desmineraliza a dentina e se desmineraliza remove quem? Isso mesmo. Remove o cálcio e se falei que a adesão do Cimento de Ionômero de Vidro  é com o cálcio, se você o retira essa união aumenta ou diminui? Claro que diminui.
E quem é esse ácido fraco? O ácido poliacrílico, que é o líquido do próprio CIV. Mas outro alerta, alguns ionômeros trazem como liquido a água, são os ionômeros anidros. Se esse for o seu caso existem materiais no mercado que são ácidos fracos específicos para limpar a cavidade sem entretanto desmineralizar a dentina.
Pergunta frequente: estou em um local que não tenho esse tipo de ácido o que faço? Nada. Coloque seu ionômero de vidro assim mesmo. O que você não pode nunca é antes do ionômero de vidro colocar ácido fosfórico. Estamos combinados?
No próximo vídeo vou falar sobre as duas outras situações.
E se isso fez algum sentido para você coloque um like e compartilhe nas suas redes sociais. E se ainda não assinou o nosso canal assine agora e receba nossos vídeos semanalmente.
Bj grande e te vejo no próximo.

Deixe seu Comentário